15 de fevereiro de 2012

metafísica intemporal

Há quem diga que há tempo para tudo. Para mim, o tempo é apenas uma palavra aborrecida que insiste em limitar os sorrisos, a ânsia de viver, de ser mais e maior. O tempo? Somos nós que o tecemos, que o cultivamos, que geramos no nosso ventre. 
O tempo é nada e é tudo. Eu gostava de ser tudo mas há momentos em que sou simplesmente nada. E o ser humano deve saber ser nada, deve saber-se humildar perante a vida, perante o destino, perante a metafísica.
Afinal de contas, o que somos nós?

41 comentários:

Algo Estranho... Alguém Diferente! disse...

não poderia concordar mais com isto!

Danii disse...

Verdade! eu tenho muitas irmãs, mas viver com mais alguém que partilha os nossos sentimentos, a nossa dor, ou a nossa felicidade, dentro de casa é bem melhor!

cláudiagomes. disse...

sempre a escrever bem minha L' :)

m. disse...

que bem que escreves!
não digo que seja a definição de amor, mas de uma amizade que está a crescer para isso sim.
vou seguir-te.

Danii disse...

Pois é fofinha :) sério? que bom :D

Algo Estranho... Alguém Diferente! disse...

ora nem mais! como me compreendes. e nesse ponto, eu conheço-o bem, eu sei tudo dele!

Algo Estranho... Alguém Diferente! disse...

obrigada por me seguires querida, eu já era tua seguidora*

éme disse...

optima comparação. o ser humano consegue ser tão relativo e indefinido como o tempo, no entanto é tudo e nada.

Emmeline disse...

e já o somos... assinei pela raquel, e não por mim. mas obrigada pelas palavras:) beijinhos

bam disse...

Oh, se é! <3

Helena disse...

Maravilhoso, concordo totalmente querida.

Cath disse...

O tempo é complexo, não é ? Ilude-nos, baralha-nos e deixa-nos, muitas vezes, com aquela sensação de vazio.
Eu enviarei a mensagem, já tenho saudades de falar contigo!

Obrigada pelos teus comentários, fazem-me sorrir :)

Pensando com Arte disse...

Não existiria, a felicidade depende da tristeza tal como a tristeza depende da felicidade*

E em relação ao teu texto! não diria melhor cara amiga! "o que somos nós?" **

beijinhos,
pensando com arte.

mimi disse...

concordo plenamente. (: sigo *

anónimo (: disse...

gosto muito (:
http://trueofmyhistorylife.blogspot.com
vê se gostas (:

Danii disse...

ahah, acredito fofinha! quem não queria *.*

m. disse...

é, mas vou ter de mudar isso :s

sara oliveira disse...

sim tens toda a razão, obrigada pelo comentário! gostei imenso desta tua reflexão... e concordo plenamente.

Helena disse...

Sem dúvida !

Cath disse...

Mereces comentários doces e palavras ternurentas, acredita :')

Anniee. disse...

muiitooo obrigada :')

Pensando com Arte disse...

São realmente unicos!

júlia disse...

está perfeito! teu ponto de vista! :D

anónimo (: disse...

acredita que é mesmo ;s

Algo Estranho... Alguém Diferente! disse...

com essa linha de pensamento, tenho a certeza que tens a definição correcta do verbo amar.

bam disse...

Adorei, adorei!

Sofia Silva. disse...

Tens razão, mas é muito dificil conseguir esvaziar o coração :\
Adoro!

m. disse...

espero, de coração, ficar neste lugar por muito tempo. o tempo suficiente para realizar todos os meus sonhos.

Danii disse...

obrigada minha fofinha :)

Cath disse...

Oxalá essa pessoa apareça, Luísa, acho que estou a precisar dela. Obrigada por teres sempre uma palavra de apoio para mim <3

Algo Estranho... Alguém Diferente! disse...

talvez /:

bam disse...

E nós é que sofremos! :p

Mariana Simões disse...

"tempo", palavra mais aborrecida!

Amêndoa disse...

parece que isso está sempre de portas abertas para nós. mas, felizmente, há sempre quem nos ajude ou a nossa própria força de vontade! basta querer :))

may. disse...

sim , no fundo eu só queria que tudo mudasse, mas não muda. muito muito obrigada <3

TDelMona disse...

tão verdade, não o diria melhor, sigo *

Algo Estranho... Alguém Diferente! disse...

ameeeeeeeeeeeei simplesmente

Danii disse...

podes crer *.*

TDelMona disse...

oh, eu quero é que esse sorriso genuíno apareça, estou mesmo á espera dele, oh "Lights will guide you home" são por frases destas que esta musica tem o significado que tem para mim :) Obrigada por tudo

inês disse...

perguntas demasiado filosóficas, querida :/

Cath disse...

Mas é claro que preciso de agradecer. Os teus comentários, curtos ou mais longos, tocam-me sempre na alma. Dizes-me sempre qualquer coisa que me abala, num sentido positivo. Fico a divagar ainda mais.
Espero que esse amor esteja à minha espera, mas estou a tentar não o procurar. E ohh, eu também adoro as tuas músicas, são sempre especiais, tal como tu! :')